Posts Tagged ‘bizarrices’

h1

business cat

fevereiro 20, 2011

do genial know your meme.

Anúncios
h1

je vous présente Henry

abril 26, 2010

Foi paixão à primeira vista.

Quando o vi entrando pela porta de casa, mãos dadas com o Le, ele ganhou meu coração. Quis tê-lo para sempre ao meu lado, aonde quer que eu fosse, mas precisava descobrir como. Não, não dá pra levar muitas coisas da vida daqui para o Brasil. Não sou diplomata, não tenho um container di gratis pra botar toda a casa dentro quando eu me mudar. Mas eu precisava dar um jeito.

Henry é a causa de toda essa paixão, mas vocês vão entender o por quê.

Ele nos visita umas duas vezes por semana e sempre está com um sorriso amigo no rosto.  Nos seduziu. Virou nosso melhor amigo e confidente. E descobrimos que, na verdade, esse amor não era exclusividade nossa. Henry é uma paixão nacional.

Ok, é impossível levar um aspirador de pó para o Brasil só porque ele é uma fofura. Além do que, ele custa uma média de 89 pounds e com esse dinheiro dá pra ir e voltar de Parrí no eurostar em horário de pico.

Mas a gente não podia abandonar nosso querido. E ele sabia disso. Por 7 pounds, e com medidas mais modestas, adquirimos nosso pet-maradona-limpador-de-mesa.

Little-Henry, nunca vou te abandonar!!!!

DSC06613

Em tempo: agora a amazon está me sugerindo comprar uma mug  e um chaveirinho lindo do henry! how come?! se tivesse me avisado antes, tinha vindo junto com o aspirador de mesa. droga!
41i46RnPmPL._SL500_AA300_

41uSVQ-BRkL._SL500_AA300_

h1

sai pra lá, cameron!

abril 1, 2010

Se nos dias normais a gente já tem que aguentar piadinha na primeira página dos jornais ingleses, imaginem, hoje, que é Fool’s Day?

Pois é.

O Guardian deu um furo fenomenal e descobriu que a campanha do Labour’s Party vai usar a imagem agressiva do Brown (acompanharam a coisa toda do assédio moral?) a seu favor. Eles fabricaram um cartaz com a frase “Step Outside, Posh Boy! Vote Labour, or else” e fizeram uma matéria contando sobre o furo.

4481559282_9d4438fd02

Não vou me alongar na jornalistice.

Só vou contar que a campanha virou febre no Twitter. Tem gente até se reunindo pra fazer camiseta pra vender. E, nessas, o Guardian abriu um pool no Flickr só pra publicar os posters feitos pelos leitores, com sugestões para o Labour usar na sua campanha contra o posh boy, o tory tradição-família-propriedade Cameron.

Tem um melhor do que o outro. Gênios da piada esses british…

4481180263_42eaebba8b
4480957079_c74bc93fed_o

4481111425_134f045038_o

em tempo:

#ficadica brazucada:

h1

make up disasters

março 23, 2010

Eu não tenho fotos.

Não tenho provas.

Mas quem quiser uma amostra basta pegar a Picadilly Line no sábado à noite.

Não é só a Lily nem a Gaga. Agora as meninas também fazem aquela “maquilagem” na cara.

Para as divas é um luxo.

Para as mortais, parece que você acabou de sair da festa do seu primo de 5 anos e se deixou maquiar pelos palhaços.

Fica mais ou menos assim:

Qual é a música? “Rah-rah-ah-ah-ah-ah! Rama-ramama-ah… GaGa-ooh-la-la!”

h1

London School of Samba

março 21, 2010

Guanabara é uma balada brazuca que faz muito sucesso por aqui. Caipirinha vira afrodisíaco, salsa vira samba e capoeira vira dança.

O importante é que o som é ótimo e a galere vai à loucura. Danças do acasalamento all over the place.

Estivemos lá nesta sexta e fomos surpreendidos com um concurso de samba-enredo para o carnaval de Notting Hill – que acontece todo último final de semana de agosto. Tentei sambar. Sambo mal, mas sambo sim. Mas não deu. Deu-se que o samba era batuque  (Bateria, nota 7) alá Timbalada e o coração do cara era verde e branco. Duvidam? O vídeo tá péssimo, mas dá uma idéia do clima:

h1

reasons to love LDN #2

fevereiro 10, 2010

Um astro do cinema indiano, um body scanner e uma piada levada a sério.

Ele disse que a moça do scanner imprimiu a foto dele peladão, vista no body scanner, e que ele autografou.

Eu dei um google e pensei: por que alguém ia querer a foto do Xororó pelado?

[esse é o bolywood star, Shahrukh Khan]

But UK is a very literal place. e é por isso que eu amo eles:

RT @Heathrowairport It’s not possible to print, reproduce or share images taken by a body scanner at Heathrow. Images are immediately deleted http://ow.ly/15PK6

Agora, confesso que o que não me sai da cabeça é: fim do mês tô lá no body scanner dando pinta sem cachê?!

h1

Os peladões do Canal 4

dezembro 23, 2009

A televisão é uma das melhores formas de se entender o way-of-living dos nativos. A grade de programação dos domingos brasileiros dos anos 90, por exemplo, nos diz muito sobre as concepções de gênero que informavam nossa société d’entonces. Quem é que não se lembra da banheira do Gugu, da prova da camiseta molhada, do cumpadí Wanshington cantarolando “Quebra, ordinária!”, da abertura do Fantástico etc? Pânico e baixarias como essa à parte, Lei Maria da Penha veio com tudo pra esconder essa objetificação das mulheres no espaço da casa, do trabalho, da internet e da Rede TV! (né, hipócritas!?).

Até ontem a noite, ainda não tinha assistido nada da TV inglesa. Só havia confirmado que o Rowan Atinkson é mesmo uma grande estrela dessa nação. (Vira-e-mexe sai notinha no jornal dizendo que ele deu uma de Mr. Bean na vida real. Outro dia, por exemplo, saiu uma notinha dizendo que o  motor do carro dele pegou fogo na rua, quando ele ía para uma premiê, e causou um fuzuê).

Mas eis que nossos vizinhos, dani e vinícius, nos presentearam com a referência de uma pérola televisiva ontem a noite: “How to look good naked”. A idéia do reality não é fazer a pessoa perder 50 Kg em um mês, como no “The Biggest Loser” ou passar por 459 cirurgias plásticas e ficar irreconhecível, como no “The Swan”. Eles pretendem, simplesmente, que a pessoa passe a amar o seu corpo do jeito que ele é. E o ápice da história é a realização de um ensaio sensual e um desfile peladão na frente da família toda e de um público que encheria o maracanãzinho.

Para um país em que não se pode importar ponografia – nem produzi-la se seu cunho sócio-cultural não for justificado -, a idéia de alguém desfilar peladão no meio de um shopping center pareceria surreal. Mas ela tá aí, no Canal 4, entretendo a geral. Na abertura, uma menina de costas exibe um pedaço do seu seio e da sua bunda, ao descer a única peça que a veste: uma calcinha. Sensacional. Isso, no Brasil, só no Superpop ou no Multishow pós-meia-noite.

Para vocês se divertirem (será que o vídeo abre aí?), o episódio que assistimos ontem a noite, da senhorinha de 72 anos que pagou peitinho em rede nacional, está neste link.

Unfortunately, eles não me permitem upar o vídeo aqui =(

Have fun, mates!

Em tempo: é. o vídeo não abre no Brasil. uma pena, minha gente… =(