Archive for fevereiro \24\UTC 2012

h1

água

fevereiro 24, 2012

sempre que travo, em um texto, corro pro chuveiro. não há nada que me acalme mais do que água [quente] corrente. ultimamente, tenho recorrido muito a esse expediente. mas esse blog permaneceu em branco.

acho que agora, em um desses banhos, entendi porque. eu não me comprometi a falar de política, economia, moda, culinária, fotografia ou qualquer outra coisa. as letras escorreram por aqui como as amorinhas que brotam das árvores, depois da florada. era tudo e sempre uma tradução da vida. da minha vida, claro, e da maneira que eu a experimentava – com todos os sete [SETE] sentidos. daí eu falar de política, economia, moda, culinária, fotografia. daí o silêncio.

o silêncio. nesses anos de amora, me apaixonei, defendi um mestrado, entrei num doutorado, casei, mudei pra londres, ganhei uma bolsa sanduíche, voltei pro brasil, vim morar em são paulo, fiz mil frilas, perdi uma grande amiga e… e agora é trabalho. e nas minhas angústias com a tese, com a vida depois da tese, com o dia da defesa da tese, não me sobra nada. só a água corrente e a saudade desse cantinho, tão quentinho, que eu inventei pras coisas bonitas, tristes ou felizes, da minha vida. tô regando pra nascer a florada. daqui a pouco, muito pouco, espero, já vai dar pra esparramar as frutas.

=*

Anúncios