Archive for abril \10\UTC 2014

h1

jewel

abril 10, 2014

Oi, Fer,

Hoje liguei o shuffle no trabalho e enquanto preparava um relatório cheio de dados estatísticos apareceu você. Apareceu você naquela fita cassete que você me gravou com as músicas de uma de suas cantoras favoritas. Fita cassete que decorei faixa a faixa porque queria aprender inglês -era assim que eu aprendia- e porque adorava música assim, meio triste. E você apareceu toda, depois de tanto tempo desaparecida da minha vida. Lembrei do calo do seu dedo médio, que você desenvolveu pelo jeito que pegava a caneta. Lembrei da sua risada contida, mas incontida. E lembrei de que já faz quase 4 anos que você se foi. Passou tudo tão rápido, flor. E tanta coisa aconteceu. Será que você ia gostar da Copa no Brasil? Da Dilma Bolada? Do emprego que arrumei? Será que você ia estar dando suas aulas de inglês de novo? Como é que você teria se reinventado? Não deu tempo, flor. Não deu tempo. E aí me sinto tão pequena de sofrer com minhas reinvenções pequenas. A gente cresceu enquanto você não estava mais aqui. A gente continua crescendo. E me sinto absolutamente estúpida de reclamar das dores que isso, às vezes, traz quando penso no tanto de coisas que você teria que estar fazendo pra continuar crescendo se ainda estivesse aqui.

Obrigada por me lembrar, ao acaso, que

Dreams last for so long
Even after you’re gone

Que eu quero continuar sonhando muitos dos seus sonhos, ferzoca, e vou construir alguns novos também…